Fiv Felina Sintomas, Tratamentos e Tudo Sobre o Vírus

7 de junho de 2017 por

Conheça em detalhes aspectos fundamentais sobre fiv felina (vírus da imunodeficiência felina): Significado, tratamento, sintomas e outras características.

Fiv felina (ou, Vírus da Imunodeficiência Felina) afeta gatos em todo mundo. Se difere de outros dois retrovírus felinos: vírus da leucemia felina (FELV) e peritonite infecciosa felina (PIF). Mais relacionado ao vírus da imunodeficiência humana (HIV).

Se trata do único lentivírus não-primata a causar uma síndrome semelhante a AIDS, mas geralmente não é fatal para gatos, pois com fiv felina os animais vivem de forma relativamente saudável como portadores e transmissores da doença por muitos anos.

vírus da Fiv felina foi descoberto pela primeira vez em 1986 pelo Dr. Smith, numa colônia de gatos que apresentava alta prevalência de infecções e condições degenerativas.

Desde então, foi identificada como uma doença endêmica em populações domésticas de gatos em todo o mundo.

Como os Gatos ficam com Fiv Felina?

FIV e HIV são ambos lentivírus. No entanto, os seres humanos não podem ser infectados por fiv, nem os gatos sofrem infecção pelo HIV.

Fiv é transmitido principalmente através da saliva de outros gatos.

Desde que o dono seja vigilante e trate infecções secundárias, um gato infectado pode viver uma vida razoavelmente longa.

Pode atacar o sistema imunológico de gatos, bem como o vírus da imunodeficiência humana (HIV) ataca o sistema imunológico de seres humanos

Os gatos que vivem fora de uma casa espalham a doença para outros felinos, e, também num ambiente de convívio em grupo.

Gatos que vivem sozinhos como um único animal de estimação, raramente deixados para vagar livre na rua, têm menos chances de contrair fiv felina.

O modo primário de transmissão fiv felina ocorre através de feridas de mordida profunda, quando a saliva contaminada pelo sangue do gato infectado entra na corrente sanguínea de outros gatos.

Também transmissível de fêmeas grávidas para filhotes no útero. Contudo, a transmissão é considerada relativamente rara com base no pequeno número de gatinhos novos infectados com fiv felina.

Os principais fatores de riscos são: Sexo masculino, idade adulta, acesso livre à rua.

Fiv Felina Sintomas

Infecta outras espécies de felinos e, de fato, é endêmico em alguns grandes gatos selvagens, como leões africanos, por exemplo.

O estágio inicial é acompanhado de sintomas leves como letargia, anorexia, febre e linfadenopatia.

Esta fase inicial é bastante curta, seguida pelo estágio assintomático, no qual o gato não demonstra sintomas visíveis por um período variável de tempo.

Alguns gatos permanecem nesse estágio latente por apenas alguns meses, mas para outros pode durar anos.

Depois tem o estágio final em que os animais ficam suscetíveis às doenças secundárias, o que pode gerar a morte.

Fiv Felina Tratamento

Não há cura e nem vacina contra fiv felina, só tratamento paliativo e tratamento de suporte.

Tal como acontece com HIV, o desenvolvimento de uma vacina eficaz contra fiv felina é difícil de ser desenvolvida devido ao elevado número e às variações das cepas de vírus.

Gatos com Fiv Podem Conviver com Outros Gatos?

Muitas pessoas têm dúvidas sobre se gatos com fiv podem conviver com outros gatos. Infelizmente a resposta é não.

Atenção: Muitos gatos podem viver anos sem desenvolver a doença no organismo, mesmo sendo portadores.

Em certos pacientes os sintomas às vezes só aparecem na velhice, quando baixa a imunidade.

Seja para descobrir se o bichinho tem fiv felina, no sentido de fornecer tratamento especializado paliativo ou de suporte, vale a pena se beneficiar dos serviços de qualidade prestados pela Animal Clinic.

Logo Hospital Veterinário Animal Clinic em Branco


Quem somos


Referência em diferentes especialidades, o Hospital Veterinário Animal Clinic tem serviço de emergência ágil e moderno. Excelência do atendimento 24h/dia!




Receba as Novidades


Cadastre-se e receba videos, dicas e cuidados para o seu pet antes de todo mundo.



Open chat
Powered by